, , , TEST48602 google-site-verification: google1ce7ad085bc6e4d8.html 176241535166896 309362291580079 870225828159306
top of page

Barbie E A Aldeia Global

Barbie , o filme

Sua influência na minha vida

Por Miriam Averbuck

Margot Robbie interpreta Barbie no live-action do filme Getty Images




Ainda não assisti o filme Barbie, mas vi que muita gente já foi vê-lo. Depois de ver vídeos de análises no youtube a respeito da Barbie e sua história no cinema, fiquei curiosa sobre o filme . Alguns comentaristas detalharam tanto a história que até parecia que eu já tinha assitido o filme. A teoria da conspiração estava a mil. Muitos esmiuçaram o que está por trás desta aparente ingênua história sobre uma boneca. Pelo o que eles dizem, não é um filme para crianças, mas sim para as mães, avós delas. Por isso pretendo ir ao cinema ou quem sabe esperar para ver na Netflix, no conforto de casa.

Porém o que realmente me chamou atenção foi a repercução do filme, das pessoas se vestirem de rosa, dos produtos que surgiram no mercado , claro todos rosa. Falam que o filme trata do machismo, feminismo e que plantam sementinhas no inconsciente das pessoas para novas tendências futuras na sociedade.

Todas estas teorias da conspiração à parte, não resta dúvida que a Barbie tem uma importância em todo seu conjunto do que é a sociedade de consumo, dos padrões estabelecidos na mente das meninas , da moda ao alcance de todos, de uma sociedade onde a mulher não é mais somente Dona de casa, e que sim assume novas posições , profissões , além de ser mãe, casar e viver neste modelo quente, divertido ou não, mais livre no sentido de ser da natureza feminina ter filhos, cuidar das coisas do seu ninho, junto com o marido. Não estou fazendo aqui apologia que mulher deva ser somente dona de casa, mas considero a vida de dona de casa bem interessante, a mulher está constantemente em movimento, tem que saber sobre medicina, psicologia, culinária, organização, finanças, nutrição, etc, ufa até cansei. Claro que não é só trabalho, é também diversão, passear com os filhos, as festinhas de aniversário, ir ao cinema , viajar com a família.

A vida de dona de casa , com filhos , marido é muito boa, quando a mulher e seu marido se dão bem, há harmonia no lar, senão é um inferno. Aliás, tudo tem prós e contra. Há teorias que dizem que a mulher contemporânea saiu do lar para entrar no mercado capitalista , fazer parte do consumo cada vez mais dirigido a essa nova mulher independente, que sai para trabalhar todos os dias nas diversas ocupações existentes na sociedade.

Ainda não assisti Barbie como estava dizendo, que estou só fazendo conjucturas através das análises de outras pessoas. E que talvez o que estou escrevendo não tenha nada a ver com o filme.

Estou realmente curiosa para assistir e tirar minhas próprias conclusões, de entender o que o filme quer dizer, insinuar,expressar, transmitir, influenciar,etc. Não sei. Tenho que assisitir.


59 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page